Cuidados //

Quer se cuidar mais e melhor? Acompanhe nossas publicações!

Parabéns! Você foi inscrito.

Odontogeriatria - uma realidade.

 

Antigamente as pessoas não tinham noção da necessidade de prevenção e de higienização da cavidade oral e nem de como tudo isso afetava sua saúde.


Atualmente, com o avanço da medicina, se vive mais e com maior qualidade.
Há algum tempo era comum se chegar à terceira idade sem os dentes naturais . Diante de qualquer problema mais grave, os dentes eram logo extraídos, prejudicando a eficiência mastigatória. 
Hoje já se comprova que as infeções na cavidade oral afetam não só os dentes como a saúde geral dos idosos.


Devido ao desconhecimento e/ou à dificuldade manual de se limpar bem os dentes , a doença gengival/periodontal pode ocorrer com mais frequência, possibilitando que bactérias da boca atinjam a corrente sanguínea , podendo se alojar em órgãos como o coração . Estas bactérias  podem também potencializar as artrites e reumatismos, tão comuns nos idosos.


Uma boca mal cuidada é mais propícia à cárie , à dor de dente e à necessidade de tratamento de canal. A diminuição do fluxo salivar também não traz benefícios .
Muitos dos idosos, que já não tem uma fácil locomoção, se descobrem cheios de cáries e focos dentários, tendo de ir ao dentista várias vezes para solucionar estes problemas e ter a sua saúde de volta.

Os idosos devem ter os seus dentes naturais preservados e receber ensinamentos preventivos para manter a saúde bucal.

Please reload